MENU

COLUNISTAS


Política

MILTON ALVES




 
 

Ontem, 20/07/2018, às 06:00

Eles nem se envergonham

Caiu como uma bomba no seio da sociedade catarinense a divulgação feita pelo Conselho Regional de Contabilidade de Santa Catarina (CRCSC) sobre os gastos das Assembleias Legislativas Estaduais em 2017. Para apresentar o trabalho, a entidade baseou-se em dados dos Portais de Transparência, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O estudo levou em conta, principalmente, as despesas totais das assembleias, os gastos anuais per capita e o gasto médio por deputado.

Medalha de bronze
Pasmem, o trabalho de pesquisa revelou que a Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) ocupa a terceira posição entre todas as assembleias do Brasil, no que tange aos gastos anuais com deputados, somando quase dezesseis milhões por parlamentar. É isso mesmo: cada deputado catarinense custa anualmente R$ 16 milhões aos cofres públicos. Quer dizer: aos nossos bolsos. Pois quem sustenta essa joça somos nós. O advogado Ramon Antonio, que já foi presidente do Observatório Social de Tubarão, se manifestou com indignação no dia de ontem. Não é o único. Esse montante de despesas realmente não se justifica. Está tudo errado.

PSD decide no sábado 
O PSD será o primeiro dos considerados grandes partidos de Santa Catarina a definir oficialmente suas candidaturas para outubro. Num evento programado para as 10h deste sábado, na Assembleia Legislativa, em Florianópolis, os pessedistas definem oficialmente seus nomes para as disputas ao governo de Santa Catarina, Senado e a lista oficial dos pretendentes às vagas de deputado federal e estadual. A expectativa é de que pelo menos 11 partidos fechem coligação com o PSD, que tem como pré-candidato ao governo do Estado o nome do deputado estadual Gelson Merisio. Por isso, inclusive, a ideia de marcar ponto como o primeiro partido a definir seus nomes.

E ele vai tentar
Algo que pode até parecer surpreendente, mas que vai acontecer, é a colocação do nome do atual deputado federal João Rodrigues na lista dos que vão concorrer à reeleição. Existe um risco, mas o deputado, que cumpre pena em regime semiaberto em Brasília, terá o seu nome homologado na convenção estadual do PSD, marcada para amanhã. É que o deputado aguarda para até o final deste mês, ou mais tardar 15 de agosto, o julgamento de recursos jurídicos que impetrou no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e também no Supremo Tribunal Federal (STF) pedindo que se analise o mérito da sentença, ou então que se estabeleça a prescrição da penalidade. Se o resultado for positivo, o caminho estará aberto para as urnas. O que o eleitor vai fazer, não se sabe. Todavia, não se surpreendam se Rodrigues conseguir o que deseja.

O Peixe em Xanxerê
Aliás, por falar em João Rodrigues, na terra dele, Oeste do Estado, mais precisamente na cidade de Xanxerê, os meninos da equipe sub-20 do Atlético Tubarão estarão iniciando, às 14h30 deste domingo, aquela que pode ser a primeira das suas façanhas dentro futebol: a conquista do difícil título estadual da categoria, que antigamente se chamava Campeonato de Juniores. Vale lembrar que a cidade já esteve na disputa dos títulos em duas ocasiões: nos anos de 2000 e 2001, exatamente com o Tubarão Futebol Clube, que hoje dá lugar ao Atlético Tubarão. Naquela ocasião, o Peixe acabou derrotado por Criciúma e Avaí, respectivamente, ficando com o vice-campeonato.

Um seleto grupo
Para se ter uma ideia de como é difícil ganhar este campeonato de juniores, ou sub-20, como queiram, de 1981 até hoje somente quatro equipes fora do eixo Criciúma/ Florianópolis/Joinville conseguiram o título, e uma vez cada: Blumenau em 82, Inter de Lages em 83, Juventus de Jaraguá em 96 e Chapecoense em 2016. Todos os demais títulos ficaram com Criciúma (13 vezes); Avaí e Figueirense (7 cada) e Joinville (6 vezes). Como teve melhor campanha na fase anterior, o Atlético Tubarão disputa essa final com a vantagem de dois empates. Domingo que vem, recebe a Chapecoense em casa.




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL