MENU

COLUNISTAS


Geral

IVANA ANSELMO SOUZA




 
 

Quinta-feira, 21/03/2019, às 00:00

Brigou com os colegas? Muita calma nessa hora

N ada melhor do que trabalhar em um ambiente saudável, onde as pessoas se respeitam e exista cordialidade entre os colegas. O problema é que nem sempre é assim. Em uma organização, existe uma diversidade de indivíduos.

As pessoas são únicas, possuem personalidades distintas, vêm de famílias e culturas diferentes e possuem valores diferentes. Tudo isso afeta o comportamento, a forma de se relacionar com os outros, o que muitas vezes gera divergências entre os colegas de trabalho.

Conflitos no local de trabalho são praticamente inevitáveis, mas é preciso enfrentá-los e agir para minimizá-los, pois a presença constante de atritos pode dificultar o dia a dia corporativo, inclusive reduzindo a produtividade. Viver em um ambiente carregado de raiva entre as pessoas gera um desgaste emocional muito grande.

Não é necessário que todos sejam grandes amigos, porém é preciso que haja respeito entre os colegas. E é possível, sim, conviver bem com todos os colegas de nossa equipe de trabalho, basta que cada um procure conhecer melhor o colega e se autoconhecer. Isso mesmo: quando eu me conheço, possuo consciência das minhas qualidades, fraquezas e limitações, consigo aceitar melhor as fraquezas e limitações dos meus colegas e enxergar também suas qualidades, reduzindo, assim, o estresse. 

O autoconhecimento proporciona mudanças no comportamento das pessoas, faz com que se tornem mais pacientes, respeitem mais as opiniões contrárias às suas e, com certeza, as transforma em pessoas mais queridas dentro da empresa.

Como resolver conflitos?

Lidar com as divergências é uma tarefa complexa, uma vez que envolve aspectos pessoais, emocionais e diversas variáveis. No entanto, é fundamental que os gestores e colaboradores procurem, o mais rápido possível, a resolução do conflito. Abaixo, seguem algumas dicas:
– Escolha a hora certa, deixe as pessoas se acalmarem. Assim que a raiva passar, será mais fácil conversar sobre o problema.
– Seja educado e racional ao conversar sobre o conflito. Procure manter o foco na situação e nos fatos. Deixe de lado as fofocas e ataques pessoais.
– Escute, ouça o que todos têm para dizer e só depois emita sua opinião e sentimentos de forma clara. Paciência é a chave do sucesso nesses momentos.
– Não importa se você está com a razão ou não. Sempre que ocorre um conflito, todos temos uma parcela de culpa. Então, independentemente de ter criado a confusão ou apenas ser vítima dela, desculpe-se pelo mal-entendido.
– Se nada disso resolver, comunique aos seus superiores a dificuldade para a resolução do conflito. Talvez, o problema possa ser resolvido de maneira mais eficiente por alguém fora da situação.




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL