MENU

COLUNISTAS


Geral

IVANA ANSELMO SOUZA




 
 

Terça-feira, 12/12/2017, às 06:00

Fuja da síndrome do final do ano

O ano de 2017 está chegando ao fim e já começamos a observar muitas pessoas agitadas e ansiosas. Dezembro, sem dúvida, é o mês dos excessos. Com os preparativos para as festas de Natal e Réveillon, mais pessoas vão às ruas fazer compras, o trânsito aumenta, as crianças estão de férias. No trabalho, as tarefas também se multiplicam. Uma sobrecarga que traz sérias consequências, e uma delas é o estresse.

Diante disso, um misto de angústia e ansiedade toma conta das pessoas. A agenda de compromissos começa a lotar e nem todos os planos estabelecidos lá no comecinho do ano saíram do papel. Nosso humor muda, muitos apresentam dificuldade para dormir e ficam depressivos. Estes são alguns dos sintomas da Síndrome do Final do Ano.


As causas

Com a chegada do final de ano, somos tomados por esse sentimento de urgência, tudo que foi procrastinado ao longo de 2017 se torna prioridade, ninguém gosta de terminar o ano com dezenas de atividades pendentes. Muitos irão pegar férias e querem deixar tudo organizado. Nesta época também aumenta significativamente a quantidade de confraternizações, o que gera demandas e mais demandas de compras, orçamentos e organização de eventos em geral. Tudo em um único mês: dezembro. Haja tempo para dar conta de tudo.

Não deixe a “correria” acabar com você
Nesse clima, é natural que as nossas percepções nem sempre sejam as mais positivas e o que deixamos em evidência é o que não conseguimos concretizar, ou seja, o vazio dos projetos inacabados ou simplesmente que não deram certo.
Para evitar sofrer da síndrome do final de ano, é necessário planejamento e eliminação. Foque no que é essencial. Quem disse que você precisa terminar tudo ou participar de tudo? Aprenda a planejar férias, festas e fazer compras com antecedência. E caso não dê tempo para fazer, acalme-se. Simplesmente, não faça. Não se cobre tanto.
Não invente muitas coisas. Aprenda a ter um dezembro simples. E outro ponto muito importante: é o ano que está acabando, não sua chance de concretizar seus sonhos.




OUTRAS COLUNAS









MAIS LIDAS










Avenida Marcolino Martins Cabral, 1315, 6º piso Praça Shopping
Centro - Tubarão/SC - CEP 88701-105 - 48. 3631-5000
Todos os direitos reservados - JORNAL DIÁRIO DO SUL